O que significa ser cristão?

Ser cristão é mais do que nascer num país cristão, numa determinada religião ou defender um determinado sistema de valores e dogmas. Ser cristão significa ser um seguidor de Jesus Cristo. Portanto, essa pessoa segue o que a Bíblia ensina sobre Deus, o homem, a salvação e o Salvador, nosso Senhor Jesus Cristo.


Por favor, considere as seguintes verdades encontradas na Bíblia:

Deus é o Criador Soberano

O pensamento do nosso tempo diz que o homem é um produto da evolução; ele tenta encontrar a sua origem separada de Deus, como se ele fosse um produto do acaso. A Bíblia afirma que fomos criados por um Deus pessoal para amar, servir e desfrutar da comunhão eterna com Ele. O Novo Testamento revela que foi o próprio Jesus que criou todas as coisas, como escreveu o apóstolo João "...foram feitas por Ele, e sem Ele nada do que foi feito se fez". (João 1:3).


Paulo afirmou o mesmo na sua epístola aos Colossenses: "Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele". (Colossenses 1:16).


O livro de Salmos ensina como Ele possui todas as coisas criadas e governa sobre todas: "O Senhor tem estabelecido o seu trono nos céus, e o seu reino domina sobre tudo". (Salmo 103:19).


Isto manifesta a Sua autoridade sobre as nossas vidas e nós devemos-lhe lealdade, obediência e adoração.

Deus é Santo


O profeta Isaías declara que Deus é absoluta e perfeitamente santo, "Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória". (Isaías 6,3).


Portanto Ele não pode cometer ou aprovar o mal, "... porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta". (Tiago 1:13).


Deus também exige santidade da nossa parte. 1 Pedro 1: 16-16 diz: "...sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver; porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo". 

Somos todos pecadores


Segundo a Bíblia somos todos culpados por causa do nosso pecado: "Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus". (Romanos 3:23), e "...não há homem que não peque". (1 Reis 8:46).


Isto não significa que sejamos incapazes de praticar atos humanos de bondade.


Mas somos totalmente incapazes de compreender, amar, ou agradar a Deus por nós próprios, como diz Romanos 3:10-11: "...Não há um justo, nem um sequer. Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus".

O pecado exige punição


A santidade e justiça de Deus exigem que todos os pecados sejam punidos com a morte, como diz Paulo em Romanos: "Porque o salário do pecado é a morte". (Romanos 6:23).


Jesus disse: "...vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis". (Lucas 13:3).

Assim, mudar simplesmente um padrão de comportamento não é suficiente para resolver o nosso problema com o pecado, quanto mais para eliminar as suas consequências, incluindo perecer eternamente à parte de Deus.

Jesus é Senhor e Salvador 

Romanos 10:9 diz: "Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo".


Embora a justiça de Deus exija a morte pelo pecado, o Seu amor providenciou um Salvador que pagou a dívida e morreu pelos pecadores, como diz 1 Pedro 3:18: "Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus".


2 Coríntios 5:21 ensina que a morte de Cristo satisfez as exigências da Justiça Divina: "Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus".


Além disso, a Sua vida perfeita demonstrou a Sua perfeita justiça segundo a santidade de Deus, e a Sua ressurreição confirma que o Seu sacrifício e a Sua vida foram suficientes para realizar a justificação dos Seus, portanto Cristo é capaz de perdoar e salvar aqueles que se arrependem e depositam a sua fé n'Ele.

O carácter de uma fé que salva


A verdadeira fé é sempre acompanhada por um arrependimento genuíno do pecado. "Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, e em todo o lugar, que se arrependam". (Atos 17:30).


Arrepender-se verdadeiramente é concordar com Deus que é um pecador, confessar-lhe os seus pecados e tomar a decisão consciente de se afastar do pecado.


Só então está preparado para seguir Cristo como Senhor e Salvador, e encontrar Nele o perdão dos pecados e o descanso para a sua alma.


Jesus disse: "Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei". (Mateus 11:28-30).


Assim, desejamos obedecer-Lhe verdadeiramente, como 1 João 2:3 ensina: "E nisto sabemos que o conhecemos: se guardarmos os seus mandamentos".

Para ser cristão não basta ter mero conhecimento intelectual, pois até Satanás e os seus demónios acreditam no verdadeiro Deus (Tiago 2:19).


No entanto, não O amam, nem Lhe obedecem como Senhor e Salvador.


Aquele a quem Deus perdoa e salva da ira vindoura, arrepende-se dos seus pecados, confia em Cristo como seu único Senhor e Salvador, e o fruto da sua nova vida responde a Deus em amor e obediência, como Jesus disse: "Se me amais, guardai os meus mandamentos". (João 14:15).


O cristão segue Cristo.

 

HORÁRIOS DE FUNCIONAMENTO

Domingo:

- Escola Bíblica Dominical - 10:00

- Culto Matinal - 11:00

- English Service - 4 p.m (call Pr. Emanuel for enquiries)

- Culto Vespertino - 19:30

Quarta-feira:

- Culto de Oração - 19:30

 

CONTATO

Pr. Lenildo: 964860765 
Pr. Emanuel: 925215651

R. Manuel Teixeira Gomes nº 1 Albufeira

Obrigado(a)!